sexta-feira, 3 de abril de 2020

Anti COVID 19 - Apoio aos Sem Abrigo no Hospital Joaquim Urbano - Porto


A acção iniciou-se no passado 24 de março, em permanência e em estreita colaboração com a Câmara Municipal do Porto que assegura a logística.
A nossa equipa de voluntários, recolhe os Irmãos que vivem nas Ruas do Porto levando-os para local seguro onde têm abrigo, alimentação e higiene, roupa lavada, uma cama e quem olhe por eles!
Na simplicidade de uma ajuda franca e coordenada, evita-se o contágio da terrível COVID 19 e permite-se uns dia de refúgio longe dos perigos da Rua.
Integrados no Plano de Contingência da cidade do Porto, os nossos voluntários enfrentam tudo em benefício dos que mais precisam!




sábado, 21 de março de 2020

Oração de quem Serve


Oração de quem Serve



Senhor Jesus, que nos chamaste a estar preparados nas fronteiras do serviço e do amor por todos: faz-Te presente entre nós, para que também nós possamos estar sempre presentes onde se escute o lamento de um Homem.

Faz-nos generosos na entrega, oportunos na acção e eficazes no socorro ao próximo. Instrumentos de Bem onde façamos falta.

Pedimos a Tua ajuda a Ti que És o Ideal das nossas vidas, e que vives e reinas pelos séculos dos séculos.



Amén

AJUDA COVID 19 - PORTO

Caros Voluntários,



Neste contexto de pandemia vivemos, a Camara Municipal do Porto veio, junto da Ordem de Malta, pedir ajuda no apoio aos sem abrigo. 
Esta população, considerado um segmento de risco, necessita de cuidados especiais, nesta fase numa lógica de prevenção.

A C M Porto vai recolher cerca de 40 pessoas sem abrigo, no Antigo Hospital Joaquim Urbano a partir da próxima terça-feira, para garantir que estas pessoas se mantêm na medida do possível afastados de potenciais fontes de contágio de COVID-19.

Dentro desta iniciativa a C M Porto necessita de voluntários que estejam disponíveis a garantir o acompanhamento destas pessoas no Antigo Hospital, servindo as refeições, promovendo os cuidados de higiene, acompanhando socialmente e assegurando que estas pessoas se mantêm o mais possível dentro do perímetro daquelas instalações.

A escala de voluntariado que está a ser preparada compreende turnos de manhã (8h – 15h) e tarde (15h – 22h). 
Assim, importa agora conhecer a vossa disponibilidade para participarem nesta iniciativa que se iniciará na próxima terça-feira dia 24 e durará até Domingo dia 29 de Março. É necessário que cada voluntário se comprometa a assegurar pelo menos um turno (manhã ou tarde).

Será fornecido material de protecção (máscaras, luvas e avental), no entanto estaremos a falar numa população de risco e não uma população infectada.

Por isso, pedimos que confirmem se têm capacidade para assegurar algum/alguns dos turnos propostos e em que dias, sendo que será necessário garantir pelo menos dois voluntários por turno. Pedíamos o favor de comunicarem a vossa disponibilidade com a máxima brevidade para podermos organizar este serviço de apoio a quem realmente muito necessita.

Obrigado pela disponibilidade e esperamos ouvi-los em breve, de preferência até Domingo para conseguirmos organizar tudo


Enviar mensagem para cvom.geral@gmail.com

Abraços!

domingo, 20 de outubro de 2019

A Obra Social Menino Deus e sua ligação com as Obras Hospitalárias da Assembleia Portuguesa

Os primeiros contactos entre a Assembleia dos Cavaleiros Portugueses da Ordem Soberana e Militar de Malta (ACPOSMM) e o Centro Social Menino Deus tiveram início da década de 80 do século vinte. 
O objectivo, até 2007, foi levar o máximo de alegria aos idosos do centro de dia, uma vez por mês ao sábado à tarde. 
A partir de 2012, a ACPOSMM, tendo celebrado um acordo com o Banco Alimentar, tornou-se intermediária entre ambas as Instituições, assegurando o transporte dos alimentos doados semanalmente. 
A acção mantém-se até hoje, ao cuidado da voluntária Dona Mariana Fiúza da Silveira. 
Desde Maio 2019, as Obras Hospitalárias designaram a Dama Dra. Joana Luisa Nigra de Castro e Sousa de Noronha - DGD e assessora do Conselho, como Coordenadora desta assistência para, em conjunto com a mesma voluntária, desenvolver uma acção de apoio mais extenso na Obra Jardim de Infância do Centro Social Menino Deus. 
Esta é  uma escola católica, coordenada pelas Irmãs de São José de Cluny, desde 1945, a pedido do então Cardeal Cerejeira,  tendo, inicialmente, funcionado como lar de raparigas e casa de acolhimento para Irmãs doentes. 
A sua pedagogia de base fundamenta-se nos conceitos da Madre Ana Maria Javouhey, que nasceu em dia 10 Novembro, no ano da revolução Francesa, e que, após os seus 19 anos, se consagrou por completo a servir os pobres e educar as crianças. 
O lema essencial da obra é o amor ao próximo: "estando em toda a parte onde há bem a fazer e dor a aliviar". 
Esta pedagogia assenta, simultaneamente, na transmissão de afectos e na preparação para um futuro individual na sociedade. 
Em resumo, pretende-se o desenvolvimento integral da pessoa humana em toda a sua dignidade e a realização das suas potencialidades. 
Em Lisboa, a Obra está localizada muito perto da Igreja de Santa Luzia, sede da Ordem de Malta, na Calçada do Menino Deus, 27 e pertence à freguesia de Santa Maria Maior (que envolve 12 antigas freguesias), onde existe grande diversidade étnica. 
É responsável a Irmã Idalina Bernardo. O espaço é um antigo convento da Ordem Terceira de São Francisco e serviu de Hospital com várias valências, como apoio aos sem abrigo, tendo sido construído entre 1738-1751. Foi considerado o maior, e de mais perfeito traçado, hospital da Ordem Terceira em Lisboa.

O jardim de infância (3-6 anos) e o Centro de Dia de Idoso foram criados em 1971. 
Em 2006 criou-se um ATL (6-9 anos). Em 2007 o Centro de dia do Idoso foi encerrado. Em 2014, foi fechado o ATL e deu-se início à obra da creche (1-2 anos). 
Neste momento, trata-se de uma IPSS, com cerca de 125 crianças, creche e jardim-de-infância (1 - 6 anos, provenientes de 12 países, com famílias não funcionais em geral e de nível socioeconómico bastante baixo). Horário: das 8:00 às 18:30 e encerramento para férias em Agosto e nos feriados. 
A obra desenvolve um papel muito importante na formação integral da criança, dando as ferramentas necessárias para que elas se tornem adultos sãos e possam contribuir para um mundo melhor.
O tema central para 2018/2021 é: "Uma Escola, Mil Vivências". 
A ACPOSMM está a preparar uma colaboração com vivências únicas ao longo deste ano.
Já promovemos  pintura de uma parede com 20 metros do parque infantil do pré-escolar, com a ajuda permanente da Irmã Idalina Bernardo, de funcionários e familiares das crianças do Centro Social Menino Deus e voluntários da Ordem de Malta. 
O desenho da parede foi idealizado por uma educadora da creche, em papel A4, colorido a lápis de cor e depois desenhado na parede a lápis de carvão, pela mesma educadora, que também fez parte da equipa da pintura. 
Começámos no dia 2 de Agosto e conclui-se em de 5 de Agosto. O parque tornou-se colorido, muito mais alegre e apelativo para as crianças. 
Elaboramos a candidatura PROCOOP, submetida com sucesso em 14/8/2019, para se ampliar o apoio a um maior número de crianças, de que se aguarda resultado. 
Fez-se, também, uma campanha de angariação de donativos e material escolar em espécie: revelou generosidade de muitos e deu muita alegria à equipa educativa e permitiu a oferta de Kits com material escolar para os meninos.

Temos ainda um projecto de ajuda à obra:




a) Professora de Inglês, ou alguém que domine a língua para dar iniciação. 

b) Espaço Físico: - Alterar e tornar mais seguros os parques Infantis exteriores da creche         e do pré-escolar. 
   c) Material: 2 televisões, 2 leitores DVD, projector, rádios e leitores de CDs. 

Próximas acções de voluntariado:

Outubro: 
dia 8, Sessão de cinema às com pipocas e sumos 
dia 30: Rastreio em Saúde Pré Escolar (3 Pediatras e 3 Enfermeiras) 
Novembro:

dia 15 Rastreio em Saúde Creche (2 Pediatras e 3 Enfermeiras) 
Dezembro: 
dia 16, Atelier de Natal

“O projecto é sempre um espaço de construção inacabado" e, por isso, gostaríamos de contar com a vossa ajuda ao longo do ano, e podermos consolidar uma equipa de voluntários para o garantir.


quinta-feira, 8 de agosto de 2019

Assistência aos Peregrinos de Santiago - Santiago de Compostela 26/08 a 01/09/2019

No final deste mês de Agosto e até 01 de Setembro, uma equipa de voluntários portugueses, constituída por Membros da Ordem e Voluntários do CVOM, prestarão apoio aos peregrinos em Santiago de Compostela, em colaboração com a Assembleia Espanhola.
Encontrar-se-ão na Oficina do Peregrino todos os dias das 9 h às 20h para acolher e ajudar a tratar todos os peregrinos que necessitem, bem como dar-lhes indicações úteis e orienta-los para as celebrações Eucarísticas nas imediações, onde também estarão presentes (12 h Missa e Bênçãos dos Peregrinos na igreja de S. Francisco, perto da Praça do Obradoiro).




.

terça-feira, 30 de abril de 2019

Campanha de Assistência aos Peregrinos de Nossa Senhora de Fátima - Maio 2019

Os postos de assistência aos peregrinos que se situam ao longo das estradas que conduzem à Cova da Iria no mês de Maio, junto da nossa Santíssima Mãe, encontram-se distribuídos com uma cadência de cerca de 1 dia de caminho, ficando a Norte e a Sul do Santuário, com a seguinte distribuição:

A norte de Fátima:

Carvalhos (Gaia): 4 e 5
Vila Real (junto ao Quartel - final da manhã): 4
Termas do Carvalhal (Castro Daire): 5 e 6
Sabugosa (Ecopista a seguir a Viseu): 7 e 8
Lameiras (Santa Comba Dão a seguir a Vimieiro): 7 (fim da tarde)  8 e 9
Águeda (perto do Continente): 6 a 8
Santa Luzia (antes de Coimbra): 7 a 9
Condeixa (parque do Restaurante Casa da Júlia): 8 a 10
Barracão (centro): 9 a 11
Caranguejeira (Escola de Olivais): 9 a 11
Santa Catarina da Serra (pavilhão ao lado da igreja): 10 a 12

A sul de Fátima:

Alcácer do Sal: 4
Azambuja (Quartel dos B.V.): 8 a 10
Coruche (Praça de Touros): 9 e 10
Alcanhões (largo J.F.): 9 e 10
Pernes (Quartel dos B.V.): 9 a 11
Alcanena : 10 e 11
Minde: 10 e 11
Covão do Coelho: 12
Boleiros: 12
Vila Nova de Santo André (Fátima): 12


Neles poderão encontrar voluntários preparados para tratar das mazelas do corpo mas também ajudar noutras situações.
Terão, na maior parte deles, um Sacerdote a quem se dirigir e  poderão participar na Celebração Eucarística que acontece diariamente às 18 h.
Desejamos uma Santa Peregrinação a todos!



quarta-feira, 26 de dezembro de 2018

Natal com o Deus Menino




No dia de Natal há, entre nós,  a tradição de beijar a Imagem do Menino Jesus no final da Celebração Eucarística.
Há já alguns anos que em Vila Cova a Coelheira (Vila do Município de Vila Nova de Paiva - Distrito de Viseu) antigo território da Comenda Magistral da Ordem em Portugal, no dia de Natal, um grupo de voluntários vai buscar e transporta a Imagem venerada na igreja de S. João Baptista levando-a depois  até aos idosos do "Lar Cruz de Malta" e a outros que não se podendo deslocar à igreja, se encontram em suas casas.
São momentos de verdadeira Missão. O gesto de levar a Imagem do Menino Deus e tudo o que ela representa - o Calor e Luz do presépio de Belém - o Amor de Deus pelos Homens e o Amor entre eles, junto dos que não podem, são, também, o cumprimento do Tuitio Fidei et Obsequium Pauperum na sua mais singela grandeza.